Embraer continua a campanha de testes de voo do KC-390 da Força Aérea Portuguesa

empresa brasileira embraer confirmou o progresso contínuo na campanha de testes de voo do KC-390 para a Força Aérea Portuguesa.

Os testes recentes da empresa têm-se centrado no cumprimento das exigências do Estado português.

Também teve como objetivo obter certificações de autoridades brasileiras, incluindo a Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) e o Instituto de Desenvolvimento e Coordenação Industrial (IFI).

As atividades foram realizadas no site da Embraer em Gavião Peixoto, São Paulo.

Após esta fase de avaliação, a aeronave voará para Portugal para integração de equipamento standard NATO e receberá certificação da Autoridade Nacional de Aviação Portuguesa (AAN).

As atividades em Portugal são supervisionadas pela Força Aérea Portuguesa e apoiadas pela subsidiária portuguesa da Embraer OGMA.

A empresa tem um contrato para fornecer à Força Aérea Portuguesa um total de cinco aeronaves KC-390.

Concedido pelo governo português em 2019, o contrato apoiará os esforços da Força Aérea para modernizar suas capacidades e melhorar a prontidão para missões civis.

Este contrato também inclui a entrega de um simulador de voo e serviços e suporte relacionados. As primeiras entregas estão programadas para começar no próximo ano.

A aeronave de transporte militar KC-390 da Embraer pode realizar diversas operações civis e atender a todos os requisitos da Força Aérea Portuguesa.

Inclui evacuação médica, busca e salvamento, combate a incêndios florestais e assistência humanitária.

Esta nova geração de aeronaves multifunção também oferece reabastecimento em voo, transporte de carga e tropas e capacidades de lançamento.

2019 também selecionou o Ministério da Defesa Português (MoD). Sistemas Elbit Fornecimento de um Conjunto de Guerra Eletrônica (EW) para todas as cinco aeronaves KC-390.

Afiliados

Isabela Carreira

"Organizador sutilmente encantador. Ninja de TV freelancer. Leitor incurável. Empreendedor. Entusiasta de comida. Encrenqueiro incondicional."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.