França ‘deveria pagar indenização à Grã-Bretanha’ pelo caos das viagens em Dover | Política | notícia

Veranistas e caminhoneiros enfrentaram horas de espera ao se aproximarem dos portos de Dover e Folkestone no último fim de semana, com as autoridades locais relatando um grave incidente devido ao congestionamento do tráfego. A interrupção começou na sexta-feira, 22 de julho, e um porta-voz do Porto de Dover disse: “Estamos profundamente frustrados que os recursos na fronteira francesa durante a noite e esta manhã tenham sido lamentavelmente inadequados para atender às nossas necessidades projetadas e lamentamos ainda mais as consequências que agora serão sentidas por muitos.”

Autoridades francesas disseram que alguns trabalhadores estavam atrasados ​​para o trabalho devido a problemas técnicos no túnel da Mancha, mas a operação era de responsabilidade compartilhada das autoridades britânicas e francesas.

LEIA MAIS: GB News: ‘Mess!’ Macron ‘não consegue’ ocupar fronteira com Dover

Liz Truss, secretária de Relações Exteriores e liderança conservadora, atribuiu a interrupção às autoridades francesas em um comício de campanha em Sevenoaks no sábado, 23 de julho.

Ela disse: “Esta é uma situação causada pela falta de recursos na fronteira.

“E é isso que as autoridades francesas precisam resolver e estou dizendo a eles muito claramente sobre isso.”

Rishi Sunak, rival da liderança e ex-chanceler, disse que a França deve “parar de culpar o Brexit e começar a recrutar a equipe necessária para atender à demanda”.

Em uma pesquisa que decorreu das 10h de domingo, 24 de julho, às 17h de quinta-feira, 28 de julho, o Express.co.uk perguntou aos leitores: “O Reino Unido deveria pagar à França para limpar o caos das viagens em Dover?”

Um total de 5.619 pessoas votaram de forma esmagadora, com 95% (5.311 pessoas) respondendo “Não” A Grã-Bretanha não deveria pagar à França para limpar o caos das viagens.

Cinco por cento (286 pessoas) disseram que “sim” a Grã-Bretanha deveria pagar à França, enquanto apenas 22 pessoas disseram que não sabiam.

Em uma pesquisa separada, que decorreu das 16h de segunda-feira, 25 de julho, às 17h, de quinta-feira, 28 de julho, o Express.co.uk perguntou aos leitores: “A França é a culpada pelo caos das viagens em Dover e Folkestone?”

Um total de 1.833 pessoas responderam, com a grande maioria, 92 por cento (1.689 pessoas) respondendo ‘sim’ A França é a culpada pela perturbação em Dover e Folkestone.

Outros sete por cento (137 pessoas) disseram “não” que a França não era a culpada, enquanto apenas sete pessoas disseram que não sabiam.

Em ambos os artigos, milhares de leitores compartilharam seus pensamentos nos comentários em uma discussão animada.

Muitos leitores comentaram que a França, com o nome de usuário Warwick Shire, foi a culpada pela interrupção, escrevendo: “Absolutamente e absolutamente sim!”

Da mesma forma, o nome de usuário EURJoking disse: “A França deve pagar a compensação britânica”.

No entanto, alguns disseram que o Brexit foi o culpado pelos atrasos devido ao tempo extra gasto na realização de verificações nas fronteiras.

O nome de usuário harrymc disse: “Se o Brexit não tivesse acontecido, os franceses o fariam?

“Eles apenas demonstram que não recuperamos realmente o controle, pois dependemos das autoridades de fronteira francesas”.

E o nome de usuário jamtartsarekeich disse: “Só uma coisa é responsável pelo caos em Dover – Brexit”.

Fernão Teixeira

"Criador. Totalmente nerd de comida. Aspirante a entusiasta de mídia social. Especialista em Twitter. Guru de TV certificado. Propenso a ataques de apatia."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *