Governo português reduz status de risco de incêndio à medida que o clima esfria – EURACTIV.com

O governo baixou o nível de alerta de incêndio do país no domingo (17 de julho) e suspendeu o estado de emergência devido à melhoria das condições meteorológicas, anunciou o ministro da Administração do Interior, José Luís Carneiro.

“Vai vigorar um estado de alerta entre as 00h00 de hoje e as 23h59 de terça-feira, altura em que reavaliamos a situação”, disse o ministro em conferência de imprensa realizada após uma reunião com vários ministros da Agência Nacional de Emergências e Proteção Civil .

“Nos próximos dias, a temperatura deverá descer entre 2º e 8º Celsius, dando-nos uma pequena janela para ajustarmos os esforços”, disse Carneiro, lembrando que “haverá outros momentos muito desafiantes antes do final do verão” e “é necessário estar preparado”.

Perante a descida da temperatura e a necessidade de reduzir os esforços, “tomámos a decisão – nomeadamente o Ministério da Administração Interna, Defesa Nacional, Ambiente, Agricultura, Saúde e Trabalho e Solidariedade, em conjunto com o Primeiro-Ministro e o Presidente de Portugal de diminuir a procura de recursos e meios” de combate a incêndios em estado de alarme, disse o ministro.

Na terça-feira (19 de julho) ele disse que a situação seria reavaliada porque era esperado outro aumento de temperatura.

Isabela Carreira

"Organizador sutilmente encantador. Ninja de TV freelancer. Leitor incurável. Empreendedor. Entusiasta de comida. Encrenqueiro incondicional."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *