Hayden Wilde conquista mais uma vitória na Super League Triathlon na Califórnia

Hayden Wilde continuou sua boa forma desde que lhe foi negado o ouro nos Jogos da Commonwealth e conquistou outra vitória na série Super League Triathlon na Califórnia.

O neozelandês conquistou sua segunda vitória na série de cinco etapas na praia de Zuma, em Malibu, e terminou à frente de Shachar Sagiv, de Israel, e de Vasco Vilaca, de Portugal, graças a uma etapa final forte.

O jovem de 25 anos é agora um dos favoritos para o título geral da série e lidera a classificação após três rodadas, tendo também vencido em Londres e terminado no pódio em Munique.

O principal concorrente de Wilde, Matt Hauser, caiu durante a primeira etapa de moto e foi expulso da corrida com a bandeira amarela.

CONTINUE LENDO:
* Hayden Wilde segundo na classificação da Super League depois de mais um pódio
* Triathlon NZ apela da penalidade de Hayden Wilde nos Jogos da Commonwealth e busca o ouro
* Hayden Wilde derrotado pelo campeão olímpico na primeira corrida desde os Jogos da Commonwealth

Como resultado, o Kiwi ampliou sua vantagem sobre o australiano em mais 15 pontos, levando-o para 43-11 na temporada à frente do segundo colocado Vilaca.

O favorito antes da corrida, Hauser, agora está em terceiro com 29 pontos, depois de não ter conseguido melhorar sua contagem. O compatriota de Wilde, Tayler Reid, é o quarto lugar geral após o sétimo lugar na Califórnia.

Hayden Wilde, visto aqui nos Jogos da Commonwealth, lidera a classificação de triatlo da Super League.

Imagens de Clive Brunskill/Getty

Hayden Wilde, visto aqui nos Jogos da Commonwealth, lidera a classificação de triatlo da Super League.

“A vitória foi boa hoje porque eu estava tendo problemas para nadar”, disse Wilde. “Fiquei muito desapontado ao ver Matt Hauser à margem e eliminado, então sabia que tinha que ir o mais forte que pudesse.

“Isso é corrida e eu tive que fazer o que tinha que fazer hoje para vencer a competição.”

O pódio de Vilaça foi um feito impressionante, considerando que ele foi mordido por uma foca durante um treino de natação e só foi considerado apto para largar no último minuto.

O hexacampeão mundial britânico Jonny Brownlee teve que se retirar devido a uma doença.

Enquanto isso, Wilde ainda aguarda o resultado de seu protesto contra sua medalha de prata nos Jogos de Birmingham no final de julho, onde recebeu uma penalidade de 10 segundos por desafivelar o capacete no final da fase de transição.

O triatlo da Nova Zelândia recorreu oficialmente da penalidade e busca uma medalha de ouro para o atleta neozelandês.

As duas últimas etapas da série Super League Triathlon serão realizadas em 3 de outubro (NZT) em Toulouse, França e 30 de outubro (NZT) na cidade saudita de Neom.

Aleixo Garcia

"Empreendedor. Fã de cultura pop ao longo da vida. Analista. Praticante de café. Aficionado extremo da internet. Estudioso de TV freelance."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.