Lula brasileiro tenta reatar laços negligenciados com Portugal

LISBOA, Portugal (AP) – O presidente eleito do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva, reuniu-se com o presidente português na sexta-feira para reacender os laços entre os dois países de língua portuguesa após quatro anos de relações frias.

“Portugal é um país irmão e um importante parceiro do Brasil na Europa”, tuitou o novo presidente do Brasil, apelidado de Lula, antes das negociações. “Retomaremos nossas conversas no melhor interesse de nossos dois países.”

Da Silva e o Presidente português Marcelo Rebelo de Sousa mantiveram conversações à porta fechada no Palácio Presidencial em Lisboa.

Mais de 200.000 imigrantes brasileiros vivem em Portugal, tornando-se de longe a maior comunidade de expatriados. Cerca de 80.000 foram registrados nas eleições brasileiras de outubro passado, que trouxeram da Silva de volta ao poder.

Portugal é a segunda escolha mais popular para brasileiros expatriados depois dos Estados Unidos.

Da Silva toma posse em 1º de janeiro, mas deseja dar um novo tom às relações exteriores do Brasil.

Ele voou para Lisboa da conferência climática da ONU no Egito, onde prometeu reprimir o desmatamento ilegal na Amazônia e retomar os laços com países que financiam esforços para proteger as florestas.

Isso distingue Silva do ex-presidente Jair Bolsonaro, a quem derrotou em 30 de outubro.

Nenhuma cúpula bilateral foi realizada com a liderança portuguesa durante os quatro anos de mandato de Bolsonaro.

Durante seus dois mandatos consecutivos, entre 2003 e 2010, da Silva manteve os laços com Portugal e os dirigentes portugueses esperam um retorno a esses dias.

O ministro das Relações Exteriores de Portugal, João Gomes Cravinho, diz que o comércio bilateral não cresceu sob Bolsonaro, acrescentando que projetos conjuntos de energia renovável podem oferecer um novo caminho a seguir.

Da Silva também deve se encontrar com o primeiro-ministro português, Antonio Costa, ainda na sexta-feira.

Da Silva é membro do Partido dos Trabalhadores de esquerda do Brasil. Costa, primeiro-ministro de Portugal nos últimos sete anos, lidera o Partido Socialista de centro-esquerda.

PARTICIPE DA CONVERSA

As conversas são opiniões de nossos leitores e estão sujeitas ao Código de Conduta. A estrela não suporta essas opiniões.

Alberta Gonçalves

"Leitor. Praticante de álcool. Defensor do Twitter premiado. Pioneiro certificado do bacon. Aspirante a aficionado da TV. Ninja zumbi."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *