NextChem ganha pedido pré-FEED para projeto H2 verde de 500MW em Portugal

8 DE SETEMBRO (Renewables Now) – NextChem, a unidade de química verde do grupo industrial italiano Maire Tecnimont SpA (BIT:MT), recebeu um contrato de serviços de engenharia pré-FEED do consórcio internacional que fornecerá um hidrogênio verde e amônia integrados de 500 MW desenvolvido em Sines, Portugal.

O consórcio do projeto MadoquaPower2X contratou a NextChem para fornecer serviços relacionados a estudos iniciais, análises de tecnologia e processos, análise de modularidade e logística e carregamento inicial de engenharia necessária para aprovação e licenciamento do projeto. Em suma, o NextChem acelerará as fases de licenciamento e desenvolvimento do programa, conforme observou Rogaciano Rebelo, CEO da Madoqua Renewables, que lidera o projeto.

O acordo foi assinado na presença de João Galamba, Secretário de Estado do Ambiente e Energia de Portugal.

O MadoquaPower2X inclui a adição de 500 MW de capacidade de eletrólise na zona industrial de Sines para produzir 50.000 toneladas de hidrogénio verde por ano e uma fábrica de amoníaco verde com capacidade anual até 500.000 toneladas.

Além da Madoqua Renewables, o consórcio por trás do desenvolvimento consiste na Power2X, desenvolvedora holandesa do projeto de transição de energia, e no Fundo de Transição de Energia da Copenhagen Infrastructure Partners (CIP).

De acordo com dados de abril de 2022, o projeto vale 1 bilhão de euros (989 milhões de dólares).

(EUR 1,0 = USD 0,989)

Inscreva-se no boletim diário gratuito do Renewables Now agora!

Isabela Carreira

"Organizador sutilmente encantador. Ninja de TV freelancer. Leitor incurável. Empreendedor. Entusiasta de comida. Encrenqueiro incondicional."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.