O técnico da Polônia, Czeslaw Michniewicz, sai após renovação de contrato

O técnico da Polônia, Czeslaw Michniewicz, deve sair no final do mês, com a federação polonesa (PZPN) dizendo na quinta-feira que não renovará seu contrato após a eliminação da equipe nas últimas 16 Copas do Mundo.

De acordo com a PZPN, Michniewicz, 52, teve várias reuniões com seu presidente Cezary Kulesza e outros dirigentes para avaliar o desempenho da Polônia na Copa do Mundo no Catar, onde perdeu por 3 x 1 para a eventual vice-campeã França na primeira fase eliminatória.

“Após uma análise minuciosa de todas as informações, a PZPN decidiu não renovar o contrato de Michniewicz, que expira no final do ano”, disse a PZPN em comunicado.

Kulesza agradeceu a Michniewicz por 11 meses de treinamento. A Polônia nomeou o ex-técnico do Legia Varsóvia depois de se separar em janeiro do português Paulo Sousa, que pediu para ser dispensado de suas funções após menos de um ano em dezembro de 2021.

“Como sabemos, o técnico (Michniewicz) assumiu a equipe em um momento difícil”, disse Kulesza. “Apesar dessas circunstâncias, ele conseguiu se classificar para a Copa do Mundo e também se manter (a seleção) na elite da Liga das Nações.

“Ele também levou a seleção nacional às primeiras oitavas de final da Copa do Mundo em 36 anos. Os agradecimentos são devidos a Michniewicz.”

A Polônia empatou em 0 a 0 com o México, derrotou a Arábia Saudita por 2 a 0 e perdeu para a eventual campeã Argentina no Grupo C pelo mesmo resultado, antes de ser eliminada pela França nas oitavas de final. O PZPN disse que em breve procurará um substituto para se preparar para as eliminatórias do EM, que começam em março. A Polónia defronta a Albânia, as Ilhas Faroé, a Moldávia e a República Checa no Grupo E.

Aleixo Garcia

"Empreendedor. Fã de cultura pop ao longo da vida. Analista. Praticante de café. Aficionado extremo da internet. Estudioso de TV freelance."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *