Sporting termina seca de 19 anos

O Sporting de Lisboa sagrou-se campeão do campeonato português, mas as comemorações foram marcadas por alguns adeptos que entraram em confronto com a polícia.

Enquanto a temporada ainda não terminou, a vitória sobre o Boavista significa que os leões têm 82 pontos e a apenas dois jogos do final, o segundo colocado Porto não consegue fechar a desvantagem de oito pontos.

Treinador atlético Rúben Amorim falou de seu orgulho pela equipe ao encerrar 19 anos de derrotas no campeonato.

“Este campeonato é para todos, mas principalmente para os jogadores que foram os principais impulsionadores deste sucesso. Estou muito orgulhoso dos jogadores e agradeço a todos”, disse o técnico dos Leões após a vitória por 1 a 0 sobre o Boavista, no dia 11 de maio.

O treinador, que ingressou no Alvalade na época passada, recordou as críticas dirigidas à equipa quando foi eliminada da Liga Europa no início da época e elogiou o carácter dos jogadores que ultrapassaram os momentos difíceis.

“Fomos muito criticados, mas usamos isso para trabalhar mais. Somos uma grande família e acho que este campeonato foi feito sob medida para este grupo. Ouvimos as críticas, não nos escondimos e é por isso que estou muito orgulhoso do carácter desta equipa”, disse Rúben Amorim.

Enquanto os adeptos do Sporting de todo o país comemoravam a vitória histórica, os motins na Praça Marquês de Pombal, em Lisboa, foram vistos como “obscuridade” na festa verde-branca, pois alguns adeptos atiraram objectos contra polícias e jornalistas e derrubaram barreiras que conduziam ao Centro de Segurança. oficiais liderados disparam balas de borracha e usam bastões para dispersar a multidão.

Os adeptos já tinham sido avisados ​​para não se reunirem em grupos devido à pandemia e às medidas de distanciamento social ainda em vigor em todo o país, mas mesmo assim milhares apoiaram as comemorações no centro de Lisboa que se transformaram em tumultos e alguns adeptos ficaram feridos.

No entanto, a noite foi sobretudo de alegria para os adeptos, com a equipa a ser elogiada pelo primeiro-ministro, o Presidente e o velho Cristiano Ronaldo, que foi ao Instagram para felicitar a equipa onde iniciou a carreira: “Maio Parabéns Campeões” ele escreveu.

Fernão Teixeira

"Criador. Totalmente nerd de comida. Aspirante a entusiasta de mídia social. Especialista em Twitter. Guru de TV certificado. Propenso a ataques de apatia."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *