Portugal apoia a Roménia nas consequências de Schengen – EURACTIV.com

Portugal apoia fortemente a entrada da Roménia no espaço Schengen sem visto, disse o Presidente Marcelo Rebelo de Sousa numa conferência de imprensa conjunta com o seu homólogo romeno, o Presidente Klaus Iohannis, na terça-feira.

A Romênia, junto com a Bulgária, foi impedida de entrar no Clube Schengen pela Áustria e Holanda em 8 de dezembro, apesar da recomendação da Comissão Europeia de ingressar.

“Portugal esteve, está e estará sempre ao lado da Roménia no que diz respeito ao acesso da Roménia ao espaço Schengen”, disse Rebelo de Sousa conferência de imprensa conjunta depois de visitar soldados portugueses na base militar do Caracal.

Essa “é uma posição que não é apenas nacional. É uma posição europeia de Portugal”, acrescentou.

“É importante que a União Europeia reveja a posição recentemente tomada o mais rapidamente possível e permita que a Roménia, tal como a Bulgária, mas especialmente a Roménia, adiram ao espaço Schengen”, acrescentou.

“A solidariedade europeia não pode ser uma solidariedade parcial ou unilateral, deve ser global, e a solidariedade global significa, em questões tão importantes como estas, num momento tão grave como este, evitar problemas adicionais aos problemas que todos já temos na Europa, e do mundo”, disse Rebelo de Sousa.

Por seu lado, Iohannis disse estar “100% convicto de que a Roménia passará a fazer parte do espaço Schengen”, acrescentando que este “continuará a ser um objectivo nacional de grande importância”.

O chefe de Estado romeno ainda não pôde falar sobre uma data específica, mas disse que a aprovação da adesão pode ser possível no próximo ano.

(Francisca Matos | Lusa.pt)

Alberta Gonçalves

"Leitor. Praticante de álcool. Defensor do Twitter premiado. Pioneiro certificado do bacon. Aspirante a aficionado da TV. Ninja zumbi."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *