São necessários 2,5 planetas para cobrir o consumo português

A partir de sábado, se todos os residentes consumissem ao mesmo nível que um português médio, o planeta ficaria sem recursos para o resto do ano.

De acordo com os dados nacionais da pegada ecológica calculados pela organização internacional Global Footprint Network, seriam necessários 2,5 planetas para satisfazer as necessidades de recursos se todas as pessoas na Terra vivessem como os portugueses.

A associação ambientalista Zero, parceira da Global Footprint Network, afirma em comunicado que “Portugal está a ativar o seu cartão de crédito verde cada vez mais cedo”.

“Há muitos anos que Portugal não consegue fornecer os recursos naturais necessários às atividades desenvolvidas (produção e consumo). O mais preocupante é que a ‘dívida ambiental’ portuguesa está aumentando”, diz a federação portuguesa.

Segundo a Global Footprint Network, que calcula a pegada ecológica de quase todos os países do mundo, há países ainda piores do que Portugal, que começou a gastar recursos futuros em fevereiro, mas há outros que estão praticamente intocados pela final do ano.

A Pegada Ecológica avalia as necessidades humanas de recursos renováveis ​​e serviços essenciais e os compara com a capacidade da Terra de fornecer esses recursos e serviços.

Se todos os habitantes do planeta tivessem uma pegada ecológica como os habitantes do Catar, os recursos para este ano estariam esgotados desde 10 de fevereiro (14 de fevereiro para Luxemburgo), por outro lado, se fôssemos todos jamaicanos, os recursos seriam só se esgota no dia 20 de dezembro.

No mapa do país, Portugal parece estar a ficar sem recursos a 7 de maio, apenas um dia atrás do Japão e à frente de países como Espanha, Suíça ou Reino Unido.

Elite Boss

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.