As pessoas são aconselhadas a economizar água

A Agência Portuguesa do Ambiente (APA) apelou ao público para o uso sustentável da água e para evitar o desperdício na vida quotidiana, na lavagem de carros e no enchimento de piscinas privadas, embora o abastecimento público esteja garantido.

“O abastecimento público é garantido porque há uma reserva de abastecimento por dois anos. No entanto, é importante incentivar os munícipes a usar a água de forma sustentável, evitar o desperdício de água no uso diário, lavar carros e encher piscinas privadas”, disse a APA, em resposta enviada à Lusa.

Desde 1º de fevereiro, a produção de energia foi interrompida em cinco barragens devido aos baixos volumes de reposição armazenados nos reservatórios, valores de chuva observados, bem abaixo da média, e para garantir os volumes necessários para uso prioritário.

A APA disse à Lusa que o condicionamento da produção de energia nas barragens do Alto Lindoso, Alto Rabagão, Cabril, Castelo do Bode e Vilar Tabuaço está a ser continuamente reavaliado, sujeito a suspensão continuada à medida que a situação evolui.

O órgão tutelado pelo Ministério do Meio Ambiente garante ainda que verifiquem semanalmente a necessidade de implementação de medidas à luz da evolução da situação.

Chico Braga

"Explorador. Organizador. Entusiasta de mídia social sem remorso. Fanático por TV amigável. Amante de café."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *