Biden assina lei para fortalecer laços EUA-Portugal

WASHINGTON, DC – O presidente Joe Biden assinou em 23 de dezembro a Lei de Autorização de Defesa Nacional, que inclui legislação bipartidária para ajudar a melhorar os laços comerciais e de investimento entre os Estados Unidos e Portugal.

Apresentado pelos senadores Sheldon Whitehouse (D-RI) e Cong. David N. Cicilline (DR.I.), The Promoting Common Interests and Growing Our Success (AMIGOS) Act torna os cidadãos portugueses elegíveis para vistos de entrada temporários de comércio (E-1) e investidores (E-2).

“Gerações de imigrantes portugueses fizeram contribuições duradouras para a cultura e economia de Rhode Island”, disse o senador Whitehouse em um comunicado preparado, depois que o projeto de lei foi aprovado pelo Senado dos EUA em 15 de dezembro. “A nossa Lei AMIGOS bipartidária fortalece a nossa relação económica com Portugal e promove o investimento na criação de emprego nos Estados Unidos, e aguardo com expectativa que o Presidente a sancione.”

Senador Sheldon Whitehouse

O DPR havia aprovado a Lei AMIGOS exatamente uma semana antes.

“Os luso-americanos e os cidadãos portugueses ajudaram a fazer de Rhode Island o estado que é hoje,” Cong. disse Cicillin. “Os membros da nossa próspera comunidade luso-americana fazem ricas contribuições para o tecido do nosso país nas artes, cultura, negócios e serviço público. A quebra das barreiras que atualmente limitam o investimento português em negócios e projetos americanos irá fomentar a já forte relação entre os nossos dois países.”

Representante David Cicilline

De acordo com o site dos Serviços de Cidadania e Imigração dos EUA (USCIS), o visto de não-imigrante E-1 permite que cidadãos de países com os quais os Estados Unidos tenham um acordo comercial e de navegação (conhecido como país de tratado) sejam admitidos nos EUA para até dois anos para exercer a atividade comercial internacionalmente em nome próprio.

O visto E-2 permite que cidadãos de um país tratado sejam admitidos nos EUA por até dois anos, ao investir uma grande quantia de capital em um negócio nos EUA.

Chico Braga

"Explorador. Organizador. Entusiasta de mídia social sem remorso. Fanático por TV amigável. Amante de café."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *