Uma central solar flutuante de 6 milhões de euros está pronta para operar em Portugal, diz EDP, Energy News, ET EnergyWorld

Vista aérea da Barragem do Alqueva em Portugal

NOVA DÉLHI: A EDP Renewables, com sede em Madrid, o quarto maior produtor mundial de energia renovável, anunciou que a sua central solar flutuante em Alqueva, Portugal, começará a gerar eletricidade sete meses após o início das obras.

Com 12.000 módulos fotovoltaicos em uma área de quatro hectares, a nova plataforma tem capacidade instalada de 5 megawatts e capacidade de produção de cerca de 7,5 gigawatts-hora por ano. No projeto, a empresa prevê a instalação de um sistema de baterias com potência nominal de 1 MW e capacidade de armazenamento de cerca de 2 megawatts-hora.

Segundo a empresa, o projeto envolve um investimento total de seis milhões de euros e caracteriza-se pela sua tecnologia solar flutuante e pelo conceito de hibridação, que permite a combinação de energia solar e hidroelétrica da barragem de Alqueva.

“O comissionamento deste projeto – que se acredita ser o maior da Europa em um reservatório – representa um passo importante no desenvolvimento das energias renováveis ​​e solidifica o compromisso da EDP com a inovação e transição energética”, disse a EDPR em comunicado.

A quinta solar foi inaugurada a 15 de julho em Portugal, num evento que contou com a presença de autoridades portuguesas, incluindo o primeiro-ministro António Costa; Ministro do Ambiente e Proteção do Clima, Duarte Cordeiro; e o Secretário de Estado do Ambiente e Energia, João Galamba.

A EDP planeia instalar até 154MW de capacidade renovável num parque totalmente híbrido, incluindo 70MW de solar fotovoltaica flutuante que a EDPR conseguiu no recente leilão solar flutuante em Portugal, mais 14MW de sobrecapacidade solar e 70MW de capacidade eólica híbrida.

“A nossa estratégia de hibridização combinando hídrica, solar, eólica e armazenamento é claramente um caminho lógico para o crescimento da geração de energia em que a EDP continuará a investir”, disse Miguel Stilwell d’Andrade, CEO da EDP.

A EDPR está presente em 26 mercados na Europa, América do Norte, América do Sul e Ásia-Pacífico. A Companhia possui um portfólio de desenvolvimento que inclui energia eólica onshore, energia solar distribuída e energia solar distribuída, eólica offshore por meio de sua JV – OW 50/50 e tecnologias que complementam as energias renováveis, como baterias e hidrogênio verde.

Fernão Teixeira

"Criador. Totalmente nerd de comida. Aspirante a entusiasta de mídia social. Especialista em Twitter. Guru de TV certificado. Propenso a ataques de apatia."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.