Os portugueses treinam menos na Europa

Os dados correspondem ao Eurobarómetro para desporto e atividade física publicado pela Comissão Europeia.

De acordo com os dados, 73% dos portugueses dizem nunca fazer exercício ou exercício, sendo que 5% o fazem “raramente”, mais do que os que o fazem “regularmente”, 4%. “Com alguma regularidade” é a resposta de 18% dos inquiridos portugueses.

Os dados são particularmente pesados ​​no país que tem a maior taxa dos países europeus abrangidos pelo estudo, seguido pela Grécia (68%) e Polónia (65%). No outro extremo encontram-se os finlandeses, com 71% dos inquiridos neste país a admitirem fazer exercício ou fazer exercício pelo menos uma vez por semana, mas também o Luxemburgo (63%) e a Holanda (60%).

Este é o primeiro Eurobarómetro sobre desporto e atividade física a ser publicado desde 2017, data da última edição, com 49% dos europeus inquiridos a afirmarem manter alguma forma de atividade física ou desporto. A pesquisa mostra que 38% dos europeus se exercitam pelo menos uma vez por semana, 17% menos e até 45% não praticam.

As taxas de atividade mais elevadas encontram-se entre os mais jovens entre os 15 e os 24 anos, com mais de metade dos europeus nesta faixa etária, 54%, a praticar desporto “com alguma regularidade”, enquanto cai para 42% entre os 25 e os 24 anos 39 e 32% entre 40 e 54 anos. A partir dos 55 anos apenas 21% dizem que se exercitam regularmente.

Lançado no âmbito da Semana Europeia do Desporto, o Eurobarómetro mostra “que é importante e essencial continuar e intensificar os esforços para promover a atividade física, estilos de vida saudáveis ​​e valores universais, da igualdade de género à inclusão social, através do desporto’ afirmou o Comissária de Inovação, Pesquisa, Cultura, Educação e Juventude, Mariya Gabriel.

Aleixo Garcia

"Empreendedor. Fã de cultura pop ao longo da vida. Analista. Praticante de café. Aficionado extremo da internet. Estudioso de TV freelance."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.